Enersugar Bioenergia
Enersugar incentiva o setor canavieiro e oferece segurança a produtores da região

18/08/2021

Enersugar incentiva o setor canavieiro e oferece segurança a produtores da região

A criação da usina Enersugar Bioenergia pelos agricultores-empresários Dorival e Dirceu Finotti, em sociedade com Sylvio Ribeiro do Valle Mello Júnior, representou um divisor de águas na cultura da cana-de-açúcar na região do Médio Vale do Paranapanema. Em meio às incertezas causadas pela pandemia do Coronavírus, a nova empresa representou alento para o agronegócio regional e supriu as lacunas deixadas pelas várias usinas e destilarias paralisadas e que causaram transtorno e insegurança a muitos agricultores com dificuldades para comercializar suas safras.

 

Já em sua segunda safra, a usina instalada em Ibirarema, e que adotou modernos conceitos de negócios para valorizar a relação com os produtores, serviu também para alavancar e restabelecer a confiança na cultura canavieira. Além do incentivo à manutenção e ampliação das áreas de plantio de cana, a Enersugar devolveu e criou centenas de empregos graças à contratação de profissionais de várias cidades da região. Além de representar fonte de renda para os municípios que tem melhoria de arrecadação, a empresa mantém parcerias em programas educacionais, ambientais e de saúde com as prefeituras.

 

A credibilidade da Enersugar, avalizada pelos sócios fundadores da empresa, repercute junto ao meio rural e cria um ambiente de negócios e de trabalho bastante favorável ao desenvolvimento econômico-social agrícola e das cidades em seu entorno. Outra constatação é a diversificação das lavouras que estavam se concentrando exclusivamente na cultura de grãos e que agora garante aos produtores rurais a possibilidade de contar com mais uma opção segura e rentável.

 

 

DIVERSIFICAÇÃO GARANTE A RENDA

 

A diversificação da produção agrícola é sinônimo de mais segurança e de renda garantida, pois permite ao agricultor planejar seus investimentos e contar com outras opções de colheita durante o ano agrícola. A chegada da Enersugar permitiu a manutenção da cultura da cana como fonte de renda segura pela certeza de comercialização do produto. 

 

A confiança na cultura da cana se confirma em números na região. No município de Palmital, por exemplo, conforme dados da Casa da Agricultura e da Secretaria Estadual de Agricultura, houve crescimento na área de cana, que também se verifica em outras cidades. Segundo estimativas de técnicos, em Palmital foram plantados 1.740 hectares de cana em 2019. Em 2020, somaram-se outros 1.795 hectares de novos canaviais. Para 2021, quando outros 1.260 hectares estão sendo incorporados, a estimativa é que a área de produção chegue a 19.470 hectares, com rendimento total de 1,5 milhões de toneladas.

 

 

 

ENERSUGAR CONTINUA AMPLIANDO

Após a “safra teste” 2019-20, a Enersugar fez melhorias nas instalações industriais e aprimorou os processos de produção com o estabelecimento de metas de desempenho e produtividade em todos os setores. A proposta para a safra 2021/22 é moer 1 milhão de toneladas de cana, produzindo 80 mil toneladas de açúcar, 30 milhões de litros de etanol e gerar 50 mil megawatts/hora (MWh) de energia elétrica para o Sistema Integrado Nacional (SIN).

 

 

Lideranças sindicais valorizam diversificação e geração de empregos

Para o agricultor e presidente do Sindicato Rural de Palmital, Gilberto Frandsen, a Enersugar incentiva a diversificação da agricultura ao proporcionar excelente oportunidade de negócio. Segundo ele, a demanda por matéria-prima faz com que agricultores mantenham o cultivo de grãos e reservem partes de suas terras para os canaviais. “É uma forma de diversificar o agronegócio e ampliar as oportunidades aos produtores”, ressaltou o sindicalista, lembrando que a usina tem capacidade para absorver grande parte da produção da região e sua proximidade reduz os custos de transporte.

 

 

 

 

 

Roberto dos Santos, que é presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Palmital e presidente da Fetaesp – Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Estado de São Paulo -, diz que a Enersugar ganhou grande importância no contexto da economia agrícola devido à sua atuação na região e como geradora de empregos diretos e indiretos, que geram renda às famílias e também aos municípios. “A empresa chegou em momento certo para a nossa região diante da crise que atravessamos no momento”, enfatizou o sindicalista.

 

 

 

 

 

 

Produtores satisfeitos com a nova opção aberta no mercado agrícola

O agricultor Marco Ciavolella, de 31 anos, apostou alto na cultura canavieira. Em parceria com a Enersugar, ele ocupou 90% das terras que administra junto com a mãe, Anna Ciavolella, com a cultura de cana e também investiu em maquinário próprio para a colheita. “Estava buscando um negócio mais seguro e rentável e a cultura da cana se mostra mais promissora no atual cenário. Além da boa rentabilidade, sofre menos com fatores climáticos que comprometem a produção. Estou satisfeito”, afirmou Marco, que mantém áreas de cana na região da Água dos Aranhas, em Palmital.

 

Para o agricultor e ex-presidente da Assocana, Bruno Garcia Moreira, proprietário do sitio Santa Maria, na Água Nova, em Palmital, o início das operações da Enersugar, já na safra passada, foi um fato muito positivo e um ganho para a região em vários aspectos. “É mais um player para absorver a produção de cana-de-açúcar regional, além da geração de emprego e renda, impactando positivamente no desenvolvimento regional, fortalecendo economicamente o entorno do município de Ibirarema e, sem dúvida, todo o nosso setor”, disse ele.

 

 

 

 

 

O agricultor Basílio Amatti, proprietário do Sítio Vale Verde, na Água do Palmitalzinho, considera muito importante uma usina do porte da Enersugar devido aos benefícios que traz aos produtores de cana-de-açúcar da região e na geração de empregos no campo e na indústria. Segundo ele, no pouco tempo de funcionamento, a Enersugar já se mostra uma empresa forte e sustentável com grande possibilidade de avanço para o futuro e com potencial para ser referência na área. “Uma conquista para o setor canavieiro e para a agricultura de forma geral”, salientou.